Análise Data Center Newsletter

Preços dos alimentos disparam

Por a 30 de Maio de 2014 as 11:50
alimentar_agricultura

Os preços mundiais dos alimentos aumentaram no primeiro trimestre deste ano, pela primeira vez, desde o máximo histórico, atingido em Agosto de 2012.

Segundo o Banco Mundial (BM), os preços dos bens alimentares transacionados aumentaram 4,0%. O agravamento foi mais acentuado no trigo (18%) e milho (12%), respectivamente.

“Crescentes preocupações com o clima e a procura de importações – e, em menor extensão, a incerteza associada à situação na Ucrânia – explicam muito do aumento dos preços”, explica o relatório.

Os economistas do BM disseram que o aumento de preços ocorreu apesar de colheitas abundantes em 2013 e projecções repetidas de colheitas recordes e stocks elevados para 2014. As persistentes condições de seca nos EUA e uma forte procura global, particularmente da China, explicam em parte esta subida de preços.

Mas, a Ucrânia, o celeiro da Europa oriental, também contribuiu para a subida dos preços, ao apresentar o maior aumento de preços domésticos para o trigo e o milho.

A Ucrânia, o sexto maior exportador mundial de trigo, viu os preços domésticos do trigo subiram 37%, o que é explicado em parte pela desvalorização da moeda.

“Um aumento de preços tão acentuado não ocorria desde os meses que levaram ao máximo histórico no verão de 2012”, remata o documento.

 

Com Lusa

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *