Destaque Destaque Homepage Distribuição Homepage Newsletter

Ministro diz ser “vergonhoso” tempo que distribuição deixa motoristas à espera para descarregar

Por a 6 de Dezembro de 2019 as 18:01
Pedro Nuno Santos, ministro das Infraestruturas
Pedro Nuno Santos, ministro das Infraestruturas
Pedro Nuno Santos, ministro das Infraestruturas

Pedro Nuno Santos, ministro das Infraestruturas

O ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, acusou a distribuição de deixar os motoristas de transporte de mercadorias “seis ou sete horas à espera de fazer uma descarga”. “Uma vergonha”, disse, citado pela Lusa, à margem da cerimónia de assinatura do acordo entre associações, sindicatos e motoristas, que decorreu hoje em Lisboa.

Apesar de falar “em empresas com grande poder económico”, que aproveitam o seu poder para tirar vantagem sobre os fornecedores, o ministro salientou que “o caso mais grave é o da grande distribuição”.

“Se há falta de pessoal, têm de fazer uma coisa simples, que é contratar”, constatou o ministro.

O novo acordo determina, entre outras ações, indemnizações aos destinatários das mercadorias que deixem os motoristas mais de duas horas à espera, alertando que, se o que foi estipulado não for cumprido, o Governo terá de “intervir legalmente”.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *