Homepage Newsletter Ponto de Venda Sustentabilidade

Primark publica o seu primeiro Relatório de Progresso sobre Ética e Sustentabilidade

Por a 30 de Novembro de 2022 as 16:02
primark

Um ano depois do lançamento da sua estratégia de sustentabilidade, 45% de todas as roupas vendidas pela Primark têm a etiqueta Primark Cares, indicando que contêm materiais reciclados ou sustentáveis.

O primeiro relatório de Progresso sobre Ética e Sustentabilidade da Primark apresenta as evoluções que a empresa tem registado em relação aos compromissos assumidos no programa Primark Cares e também descreve o amplo impacto social e de sustentabilidade ambiental dos seus produtos, lojas e a cadeia de fornecimento. O aumento do foco e do investimento em novas equipas e competências em todo o negócio permitiu à Primark acelerar os progressos registados, face aos compromissos assumidos.

Alguns destaques do relatório  de Progresso sobre Ética e Sustentabilidade da Primark:

  • 40% de todas as peças de roupa de algodão vendidas têm algodão reciclado, orgânico ou proveniente do Programa de Algodão Sustentável da Primark, o que contrasta com os 27% que se registavam no lançamento do programa.
  • O novo Programa de Formação de Design Circular, destinado a 24 membros da equipa de Produto e a seis fornecedores, vai ser alargado nos próximos 12 meses.
  • Foram realizados 43 workshops sobre arranjos de roupa no Reino Unido e na República da Irlanda (ROI), incentivando clientes e colegas a manterem e usarem as suas roupas durante mais tempo.
  • 252.800 agricultores** formados no Programa de Algodão Sustentável da Primark: prevê-se formar mais 275.000 agricultores, até ao final de 2023, consolidando este programa que já é o maior programa de algodão sustentável da indústria da moda.
  • Quase 3.000 agricultores do PASP participaram num programa piloto para a adoção de uma agricultura regenerativa de algodão na Índia, Paquistão e Bangladesh.
  • As caixas de devolução de têxteis usados estão agora disponíveis em todas as lojas do Reino Unido, Républica da Irlanda (ROI), Alemanha e Áustria – representando 65% de todas as lojas a nível internacional.
  • A Primark criou um Centro de Embalagens de Excelência para explorar novas formas de eliminar os resíduos de plástico e vestuário de uso único, até 2027.
  • Foi conduzida pesquisa, financiada e coordenada pelo Anker Research Institute, para fornecer estimativas novas e/ou atualizadas da Global Living Wage Coalition para quatro dos mercados de abastecimento da Primark – Bangladesh, Camboja, Turquia e Vietname.
  • Foram criadas quatro novas Redes de Colegas, criando espaços inclusivos e de apoio para os colegas discutirem, representarem e moldarem o pensamento da Primark sobre neurodiversidade e incapacidade; diversidade cultural; género e fases da vida; e LGBTQIA+.

“Os últimos 12 meses foram sobre a construção das bases certas para a nossa estratégia de sustentabilidade – Primark Cares. Grande parte do nosso foco tem sido a criação da fórmula certa para cumprir os compromissos que  assumimos e é por isso que os programas piloto e os processos têm sido tão importantes como os progressos que fizemos durante este primeiro ano”, afirmou a diretora da Primark Cares, Lynne Walker.

“Há um ano, fizemos uma nova promessa de mudar a forma como produzimos e fornecemos as nossas roupas, com o compromisso de pensar o nosso negócio de forma diferente. Para nos focarmos, definimos metas ambiciosas, até 2030. Passámos o último ano a investir e a aumentar as nossas equipas de especialistas, a colaborar de novas formas dentro do nosso próprio negócio e, também, com fornecedores e parceiros para apoiar a nossa transformação. Às vezes é um desafio e sabemos que estamos apenas a começar, mas daqui a um ano, vamos estar mais empenhados do que nunca em tornar a moda mais sustentável acessível a todos.” acrescentou.

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *