Homepage Logística Newsletter

Estudo: 66% dos compradores online portugueses tiveram entregas grátis em 2018

Por a 12 de Fevereiro de 2019 as 15:26
online

onlineUm total de 66% dos e-shoppers portugueses tiveram entregas grátis em 2018. Grandes adeptos das entregas gratuitas, os portugueses consideram este um dos principais critérios na hora de comprar na Internet.

A oferta dos portes de envio é mais frequente junto das empresas de moda e de produtos de eletrónica, conclui um estudo encomendado pelo DPD Group, dono das empresas de transporte Chronopost e Seur, à Kantar TNS e apresentado  esta terça-feira à imprensa.

O estudo – que se baseia em 24 328 entrevistas em 21 países europeus, entre os quais Portugal –  revela ainda que 75% dos entrevistados portugueses prefere receber as encomendas em casa, o que representa um crescimento de dois pontos percentuais face a 2017. Já 25% prefere receber na morada do trabalho, uma tendência também em crescimento.

Depois das entregas pagas, as principais barreiras às compras online para os consumidores portugueses são “a má opinião dos amigos nas redes sociais”, “não haver stock disponível, depois de a empresa publicitar um produto”, a loja “ter apenas um método de pagamento”, “tempos de entrega demasiado longos” e “não saber quando vou receber a minha encomenda”.

“Saber a janela horária exata de uma hora de quando a minha encomenda vai ser entregue” é, aliás, um dos critérios mais valorizados pelos e-shoppers portugueses nas compras online. É , por isso, que Carla Pereira, diretora de marketing e comunicação da Chronopost, considera o “balizamento das janelas horárias” como o principal desafio das empresas de transporte em Portugal. “Estamos a preparar serviços de entrega entre uma a duas horas e para o mesmo dia da encomenda. Mas não depende apenas de nós, depende também da capacidade de adaptação a estas novas exigências dos consumidores e da capilaridade de quem vende”, sentencia.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *