FMCG Homepage Newsletter

Nespresso implementa novo projeto de recolha de cápsulas em Portugal

Por a 25 de Novembro de 2016 as 13:15
luis-veiga-martins-catarina-furtado-isabel-jonet-e-stefano-goglio

A Nespresso implementou em Portugal o projeto [email protected], que permite aos consumidores entregarem as cápsulas de café usadas no momento da entrega de nova encomenda, sem custos adicionais.

A marca de café apresentou esta semana a estratégia de reciclagem para Portugal, através da qual prevê duplicar a taxa de reciclagem, que neste momento se situa “entre os 10% e os 15%”, até 2020.

Neste âmbito, o projeto [email protected], já disponível em 15 países, chega agora a Portugal. A empresa já oferece uma rede de 290 pontos de recolha de cápsulas espalhados pelo país, nos quais os clientes podem depositar as suas cápsulas para reciclagem.

Nos próximos quatro anos, e empresa pretende alcançar os 100% de capacidade de recolha de cápsulas usadas , que neste momento se situa nos 89%. Além disso, a multinacional assume na sua estratégia para o mercado luso o compromisso de garantir que 100% do alumínio usado nas suas cápsulas seja gerido de forma sustentável.

A reciclagem das cápsulas é um dos três pilares, além da origem do café e do clima, do programa de sustentabilidade da empresa The Positive Cup, lançado em 2003.

A estratégia para o mercado nacional abarca três eixos de atuação: Educação, Aumento da conveniência para Reciclar e Devolução. Neste último eixo, este ano a marca vai entregar ao Banco Alimentar Contra a Fome 65 toneladas de arroz, resultado do programa Reciclar é Alimentar, que utiliza a borra do café das cápsulas usadas para enriquecer o composto que fertiliza os terrenos de plantação de arroz, neste caso, no Alentejo. Este projeto foi criado em 2010 e desde então já permitiu entregar “386 toneladas de arroz” àquela instituição de solidariedade, o que equivale a mais de “7,5 milhões de porções de arroz doadas entre 2010 e 2016”.

Por fim, no eixo da Educação, a Nespresso compromete-se a “sensibilizar e educar os consumidores para a importância da mudança de comportamento em relação à reciclagem de outros materiais como o alumínio, incentivando-os a depositar as suas cápsulas para reciclagem”.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *