Bebidas Conselho dos Notáveis Destaque Distribuição Feiras FMCG Logística Marcas Ponto de Venda Tecnologia Vinhos

Amanhã no Hipersuper: Entrevista ao Presidente do IVDP

Por a 6 de Abril de 2010 as 21:30
hiper258

Amanhã é dia de nova edição do Jornal Hipersuper. Nesta edição destacamos a entrevista a Luciano Vilhena Pereira, Presidente do Instituto dos Vinhos do Douro e Porto (IVDP), que salientou a notoriedade e prestígio de que os dois vinhos da região gozam nacional e internacionalmente. Apesar do ano de 2009 ter sido influenciado pela conjuntura económica, o presidente do IVDP destaca a boa performance dos vinhos do Douro, revelando que as vendas de Vinho do Porto caíram 5%, mas que comparando com os outros vinhos de prestígio mundial, “o comportamento do Vinho do Porto foi muito bom”.

Não temendo a vulgarização da classificação Vintage, referindo que esta “é um garante de qualidade e só a obtém quem, de facto, tem qualidade, Vilhena Pereira mostrou-se mais preocupado com a concentração, tanto na região ao nível dos players existentes, como da própria distribuição. Se no primeiro caso considera que a concentração “não será positiva para o Douro”, no segundo o presidente do IVDP admite que os “vinhos hoje se vendem nos supermercados”.

No “Retalho”, destaque para a apresentação do 1.º Barómetro de Vendas da APED, indicando que o retalho, na sua globalidade, registou uma quebra de 1% face a 2008. O retalho não alimentar foi, naturalmente, o mais afectado pela actual conjuntura económica, mas o retalho alimentar ficou aquém da performance esperada por muitos.

Também no “Retalho”, damos a conhecer a nova solução de mobilidade da Sonae – Portal Móvel – que permite ao grupo de distribuição pertencente à Sonae poupar cerca de 10 milhões de euros por ano, ou seja, cerca de 20% do orçamento anual para Tecnologias de Informação.

Na “Produção”, entrevistámos Paula Gomes e Cátia Dias, directora de Marketing e Gestora da “A Vaca que ri”, respectivamente, por causa da nova campanha de comunicação. Reforçar a ligação emocional com os consumidores e dinamizar a categoria de queijo fundido são os grandes objectivos.

Nas “Bebidas”, a Kantar Worldpanel analisa o mercado do chá, categoria que, segundo a consultora, ainda está pouco desenvolvida nos lares mais jovens, mas que teve um bom desempenho em 2009.

Na “Logística”, tentámos perceber como está o mercado dos empilhadores. Com a conjuntura económica desfavorável a beneficiar o aluguer em detrimento da compra, esta tendência veio para ficar, segundo os players ouvidos.

Na “Tecnologia”, falámos com Maria José Gonçalves, directora de Retail Market da WeDo Technologies, e que nos explicou a nova solução da companhia para o mercado do retalho. Adoptando o nome de RAID, a responsável da empresa admite que “numa altura de crise, esta é uma solução muito apetecível”.

Nas “Feiras”, viajámos até Barcelona para ver as últimas tendência do sector agro-alimentar patente no evento. Certo é que a 18.ª edição do evento ficou marcado por uma maior internacionalização, com Portugal a apostar forte nas exportações.

Numa edição enriquecida com o “Conselho dos Notáveis”, colocámos à consideração do painel questões relacionadas com o parecer da Procuradoria Geral da República relativamente ao alargamento dos horários das grandes superfícies, estratégia de internacionalização dos dois maiores grupos retalhistas nacionais, os canais de distribuição, a baixa taxa de comércio transfronteiriço em Portugal, e a aposta das marcas/empresas nas redes sociais.

Boas leituras!

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *