Homepage Logística Newsletter

Associação Nacional das Transportadoras contesta subida de imposto sobre combustíveis

Por a 26 de Janeiro de 2016 as 12:44
combustiveis

combustiveisAs empresas que constituem a Associação Nacional das Transportadoras Portuguesas (ANTP) prometem contestar a intenção do Governo de aumentar o Imposto sobre Produtos Petrolíferos (ISP) em quatro cêntimos no gasóleo em 2016.

“As empresas associadas da Associação Nacional das Transportadoras Portuguesas demonstraram o seu desagrado e prometem não ficar de braços cruzados com o eventual aumento do ISP, agora anunciado pelo Governo”, diz a ANTP numa nota de imprensa, divulgada pela Lusa.

Na sexta-feira, o ministro das Finanças, Mário Centeno, explicou o aumento do Imposto sobre Produtos Petrolíferos em quatro cêntimos no gasóleo e cinco cêntimos na gasolina em 2016 com a redução do preço do petróleo, que levou a uma queda na receita fiscal proveniente do ISP.

“É fundamental que se perceba que este tipo de medidas afeta a economia nacional”, afirmou a ANTP num comunicado em que lembra que os transportes de mercadorias representam 4% do PIB.

A associação acusa o Governo de ter deixado este sector ao abandono dado que não existe um ministro, nem um secretário de Estado, que o represente.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *