saiba o que é »

Cartões de crédito em Portugal: análise das características e vantagens

Por a 3 de Dezembro de 2020 as 14:50
Imagem1

Sabia que a percentagem de cartões de crédito com contactless em Portugal é de 83% e que o tão apreciado e vantajoso cashback que permite ao consumidor receber de volta parte do que gastou apenas está presente em 23% dos cartões existentes no nosso país?

Se a sua resposta é negativa, está na altura de nos seguir neste pequeno passeio pelo mundo dos cartões de crédito em Portugal com o auxílio do Comparaja.pt, site especializado de comparação e análise de produtos de crédito, serviços de telecomunicações e depósitos a prazo.

Características e vantagens dos cartões de crédito em Portugal

De acordo com o estudo anual do Comparajá, que serve de apoio a uma cerimónia de entrega de prémios, no mercado português existem 78 cartões de crédito que, entre si, apresentam e partilham características diferentes.

Por exemplo, se apenas 30 cartões isentam os consumidores do pagamento de anuidades, já metade permite o fracionamento das prestações e uma generosa fatia de 83% têm contactless.

Existem lacunas como a falta de oferta de cashback ou a oferta de milhas e pontos, mas também tendências que se estão a sistematizar como os seguros e acesso a descontos em entidades parceiras dos emissores dos cartões.

A oferta é variada, mas deitemos o cartão de crédito no divã e deixemos que o mercado fale por si:

Produtos isentos de anuidade/comissões de disponibilização são tendência

O cartão de crédito sem anuidades ou isento de comissões de disponibilização representa 38% do mercado. Apesar de baixa, a percentagem de cartões de crédito com este tipo de oferta está em franco crescimento. Hoje em dia, existem menos cartões com anuidade até 25 euros do que cartões isentos destes custos. De salientar, ainda assim, que 17% dos produtos do mercado cobram uma anuidade superior a 50 euros.

71% dos cartões têm TAEG acima do limite máximo do Banco de Portugal

O limite máximo estabelecido pelo Banco de Portugal para as taxas de juro associadas a um cartão de crédito está fixada nos 15,3%, mas apenas 3 em cada 10 cartões têm uma TAEG inferior a este valor.

A TAEG média do mercado é, atualmente, de 14,6%.

69% dos cartões isentam os consumidores de Taxa de Gasolineira

7 em cada 10 cartões presentes no mercado português isentam os consumidores do pagamento de 50 cêntimos por recorrerem ao pagamento com cartão de crédito em postos de abastecimento de combustível (Taxa de Gasolineira).

50% permite o fracionamento dos pagamentos

No que à possibilidade de o consumidor fracionar o pagamento das suas compras em prestações mensais fixas diz respeito, o mercado divide-se.

Esta modalidade de pagamento permite ao consumidor realizar uma compra com o seu cartão de crédito e, de acordo com as condições do seu cartão, descontar esse valor no seu plafond habitual ou transferir o montante gasto para uma linha de crédito paralela que possibilitará o reembolso da dívida em prestações mensais. Este reembolso poderá beneficiar de uma TAEG promocional e, nalguns casos, até mesmo de isenção de juros.

83% dos cartões já são contactless

Mais do que uma inovação tecnológica que permite transações mais rápidas e seguras, os cartões de crédito contactless tornaram-se uma necessidade sanitária fruto da pandemia. Ao contrário de há um ano, 83% dos cartões disponibilizados em Portugal já vêm com esta funcionalidade.

Apenas 18% dos cartões são mistos (crédito e débito)

Aquilo a que comummente se denomina como funcionalidade dual, isto é, cartões que podem agregar as funções de débito e de crédito num só produto ainda são relativamente escassos em Portugal com uma percentagem de incidência de apenas 18%.

Habitualmente, estes cartões duais combinam uma rede de pagamento a débito como, por exemplo, Multibanco ou Visa e uma rede de pagamento a crédito (Visa ou Mastercard) permitindo, desse modo, realizar operações a débito na conta de pagamento associada e fazer movimentos a crédito de forma semelhante à dos cartões de crédito simples.

Seguros e acesso a descontos viraram norma, enquanto a oferta de Milhas e Pontos é ainda reduzida

A segurança dos cartões tem um palco privilegiado no mercado português com 74% dos produtos a incluírem seguros gratuitos associados contra roubo e fraude. O crescimento das compras online e dos consequentes pagamentos com cartão de crédito online (opção de pagamento preferida das plataformas de e-commerce) levou ao aumento desta tendência.

Também em crescendo estão os cartões com oferta de descontos em restaurantes ou moda com dois terços dos cartões existentes a proporcionarem aos consumidores esta vantagem.

Já na área da oferta de milhas e pontos que valem prémios a oferta é reduzida. Existem, contudo, honrosas exceções como é o caso do cartão Unibanco Atitude que, para além de dar ao cliente 1 ponto por cada 1€ que utilizar, ganhou o prémio de melhor cartão de crédito com pontos 2020 depois de uma análise de todo o mercado português pelo Comparajá.

Aliás, além dos pontos, este cartão de crédito tem isenção da comissão de disponibilização e permite dividir o pagamento das compras em 3x sem juros para valores iguais ou superiores a 300€, dá acesso a entre 20 a 50 dias de crédito sem juros, descontos em vários produtos e serviços e vem com oferta de cashback, uma valência importante para os consumidores como veremos no ponto seguinte.

Cashback: muita procura, pouca oferta

O caso dos cartões de crédito com cashback que permitem ao consumidor receber de volta uma parte do que gastou é peculiar. Apesar de muito procurado, apenas 23% dos cartões de crédito em Portugal vêm com esta vantagem.

Esse não é o caso do cartão de crédito Unibanco. O Atitude do Unibanco vem com oferta de cashback, o que significa que o seu utilizador pode receber até €200 de volta nas compras realizadas durante os primeiros 12 meses.

Em termos práticos, se o consumidor fizer compras ou adiantamentos de numerário a crédito igual ou superior a 500 euros pode receber 20 euros mensais, enquanto compras e adiantamentos entre 100 e 299 euros permitem ganhar 5 euros mensais.

Existe ainda uma outra vantagem. Como “fazer” o cartão de crédito Atitude é um processo 100% digital, pode-se pedir o cartão de crédito sem sair de casa.

* conteúdo da exclusiva responsabilidade da Unik SEO

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *