saiba o que é »

Saiba que casas se procuram em Portugal em tempos de Covid-19

Por a 19 de Outubro de 2020 as 13:28
Imagem3

Cozinhas modernas e funcionais entre as características preferidas

A pandemia da Covid-19 tem vindo a marcar 2020. Pelo seu impacto na saúde, na economia e na sociedade, este será seguramente uma contingência histórica para lembrar no futuro. O mercado imobiliário não fugiu à regra. Registaram-se, obviamente, mudanças nas necessidades, preferências e desejos dos clientes que procuram casa, até porque esta ganhou um novo papel no epicentro temporal da pandemia – o Grande Confinamento. Esse momento da História redefiniu por completo a relação de todos nós com a casa, rasgando tratados de gerações. As casas passaram a ser vistas de forma diferente. A forma como hoje, por exemplo, se define cozinhas modernas e funcionais não é a mesma da era pré-Covid. Porque a vida mudou.

A casa passou a ser, por necessidade, o lugar primário de trabalho e convívio. Essa necessidade acabou por ser disruptiva, porque se afirmou no período do “novo normal” e não apenas no período crítico de emergência. Isto é, mesmo depois de ter passado a fase mais aguda do Grande Confinamento, em que as pessoas foram “obrigadas” a ficar em casa, algo mudou – e para sempre. Porque as lições ficaram. E isso teve implicação nos nossos hábitos, modos e estilos de vida. Por exemplo, o home office passou de ser uma circunstância transitória para uma realidade permanente. Quando antigamente era exceção, hoje é a regra. Atualmente, é mesmo a escolha de muitas empresas para continuarem a operar de forma eficiente e segura. É um processo que, ainda que intercalado com a possibilidade de trabalho in loco, veio para ficar.

Não é por isso de estranhar que este momento coletivo tenha tido repercussões no mercado imobiliário. Porque teve consequências na forma como as pessoas vivem e na forma como as pessoas pensam viver daqui para a frente. A procura de casas passou a estar orientada para novas localizações e, também, para espaços maiores, tanto interiores como exteriores. Destinos como zonas mais afastadas dos centros urbanos, zonas balneares ou rurais passaram a ser mais procuradas também. Sendo certo que ainda é cedo para que alguns sinais revelados sejam tidos como certezas absolutas, algumas mudanças podem ser afirmadas com alguma segurança.

Procura de casas em tempos de Covid: características

  • Tem havido mais pesquisas por casas do tipo moradias (em alguns casos, registou-se um aumento de 60%) embora a procura por apartamentos tenha mais volume;
  • Há claramente mais interesse em casas com espaços exteriores;
  • Tem havido interesse específico em tipologias e áreas que possibilitem teletrabalho de forma funcional e confortável;
  • Há um crescimento do interesse em habitações fora do centro urbano;
  • As cozinhas modernas e funcionais passaram a ser mais valorizadas.

Quem quer casa começou a procurar por espaços mais amplos que permitem mais liberdade “dentro” da mesma, liberdade essa que por vezes se estende para espaços exteriores. Jardins, terraços e varandas, mas também espaços como escritórios e divisões mais funcionais e versáteis, começaram a ser mais valorizados do que nunca. Reflexo dessa valorização é o substancial interesse nas casas com cozinhas modernas e funcionais.

Cozinhas Modernas e Funcionais

A importância das cozinhas modernas e funcionais foi redimensionada pelo período do confinamento em que o espaço ganhou uma nova importância para muitas famílias. Por isso, cozinhas modernas e funcionais passaram também a estar na lista das características preferenciais dos clientes no mercado imobiliário na altura de escolher casa. Nada disso é surpreendente, sobretudo tendo em conta que o espaço da cozinha está intrinsecamente ligado à vida familiar e à vida em sociedade, sendo reflexo claro do que se passa. Os especialistas confirmam esta tese. A Leiken, empresa especialista em projetos de cozinhas modernas e de luxo, fundada em 1998, refere a importância da cozinha como um espaço de utilização frequente e de grande importância na dinâmica familiar nos dias de hoje. Essa importância foi claramente acentuada pelas circunstâncias e contexto da pandemia.

Em resumo, para além da procura pelas cozinhas modernas e funcionais, os sinais dos tempos tiveram outros ecos no mercado. Passaram ser mais procurados terrenos para construção e casas com espaços exteriores, como varandas, terraços, hortas e jardins. Estas preferências revelam preocupações de várias naturezas – com o trabalho, lazer e autossuficiência. A nova vivência da casa como espaço fez com este tivesse que ser reimaginado. Em conjunto com uma nova vida, muitas vezes em novos lugares e também com novos hábitos. Tudo, sempre, em torno de um lugar que no período do Grande Confinamento ganhou uma centralidade que dificilmente voltará a perder – a casa.

* conteúdo da exclusiva responsabilidade da Unik SEO

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *