FMCG Homepage Newsletter

Carlsberg espera fechar primeiro semestre com queda de 8,9% nos lucros operacionais

Por a 10 de Julho de 2020 as 14:39

carlsberg-snap-packAs empresas cervejeiras foram particularmente afetadas pelo impacto da pandemia na economia, não sendo o grupo Carlsberg a exceção. A companhia espera terminar o primeiro semestre do ano com uma diminuição de 8,9% nos lucros operacionais, segundo os dados preliminares publicados esta sexta-feira pela empresa.

A diminuição das vendas orgânicas situa-se em 11.6%, tendo a queda sido mais acentuada no segundo trimestre (-14,6%). As vendas, em volume, sofreram uma diminuição de 7,8% no mesmo trimestre. A empresa apresenta as contas do segundo trimestre a 13 de agosto.

Na Europa ocidental, a operação foi bastante afetada no início do segundo trimestre, mas melhorou no final devido à gradual reabertura do canal Horeca e do clima verificado em junho.

O grupo Carlsberg viu o negócio recuperar fortemente no mercado chinês no segundo trimestre, tendo os lucros melhorado devido à redução de custos e ao adiamento de atividades ligadas ao marketing para o segundo semestre. Outros mercados asiáticos, foram, no entanto, afetados pelo confinamento, casos da Índia e do Nepal.

O grupo suspendeu, a 2 de abril, as estimativas para 2020 devido ao ambiente de incerteza gerado pelo impacto da Covid-19 no desempenho do negócio. Apesar das regras de confinamento estarem a ser levantadas pelos governos, a companhia reitera que o desempenho de vendas continuará a ser incerto e volátil.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *