saiba o que é »

Mudanças trazidas pela Covid-19: sabe o que pode pedir online?

Por a 9 de Junho de 2020 as 15:40
adesao-servicos-online-covid19-unibanco

Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades. Foi a contragosto, foi e é com muita amargura, mas a realidade de vivermos uma pandemia que já apanhou nas suas malhas mais de 4 milhões de pessoas em todo o mundo foi mais forte do que a nossa vontade. A mudança que a Covid-19 trouxe ao nosso quotidiano não se esgota nos testes, na contagem de infetados ou na queda do PIB nacional relacionado com a paragem quase total do comércio e da indústria. Coisas tão simples como um corte de cabelo, a renovação de um documento de identificação ou uma ida a um balcão de uma agência bancária para negociar um crédito ou abrir uma conta tornaram-se algo mais próximo de um filme de James Bond do que aquilo que gostaríamos.

Apesar do gradual levantamento das restrições que, para além dos essenciais supermercados e farmácias, já nos permitem marcar hora num cabeleireiro ou comprar no comércio tradicional mediante a observância de estritas regras de higiene e distanciamento social, a verdade é que o facto de o vírus estar na comunidade não apazigua os espíritos. Assim, tal como durante o confinamento obrigatório, a forma mais segura de efetuarmos a compra de um bem ou serviço sem colocar-nos, ou colocar outros, em risco seja o recurso ao online.

Supermercados, farmácias, restauração, marcas de vestuário e beleza, instituições bancárias e, como veremos, até instituições de registo e notariado foram rápidas a adaptarem-se às exigências de um momento que nos pede que passemos o menor tempo possível longe de casa.

Serviços que pode usufruir sem sair de casa

Supermercados

Começaremos pelos supermercados. Algumas das maiores cadeias de distribuição e até supermercados de pequena dimensão colocam à disposição dos clientes a possibilidade de fazerem as suas compras online com entrega ao domicílio. Embora possam não estar disponíveis todas as gamas de produtos, é possível comprar uma variedade significativa. Apesar de ser de extrema utilidade, nem todas as regiões do país estão abrangidas pelo serviço sendo necessário confirmar se os hipermercados da sua área de residência têm este serviço.

Comida para animais

Se é possível comprar comida para animais nos hipermercados e em alguns supermercados, para aqueles que estão habituados a comida do seu animal de estimação numa petshop física ou no veterinário também têm uma alternativa online. Hoje em dia são muitas as lojas de animais online que dispõem de uma vasta gama de produtos, e muitas vezes com um valor até mais baixo. Por norma, as entregas ao domicílio são gratuitas a partir de um determinado valor.

Restauração

Também a restauração, uma das áreas mais afetadas pela pandemia teve a necessidade de se readaptar às exigências dos consumidores. Muitos restaurantes, a par das já conhecidas plataformas Uber Eats ou Glovo, reforçaram a sua presença no digital permitindo aos clientes encomendarem comida a partir do telemóvel ou do computador lá de casa. Tal como com os supermercados, convém verificar se os restaurantes que consulta fazem entrega ao domicílio.

Farmácias

No caso dos produtos farmacêuticos e receitas, os serviços modernizaram-se. Muitas farmácias dispõem de lojas online onde pode adquirir os medicamentos que necessita. No caso de ser um medicamento sujeito a receita médica, poderá ter que enviar a mesma por via eletrónica. Por norma, os medicamentos serão entregues na sua residência entre 1 a 2 dias úteis após a sua compra. Não se esqueça de verificar os custos associados ao serviço de entrega em sua casa. No caso do pedido de receitas ou renovação de medicação, estes pedidos podem ser feitos via online ou telelfone/telemóvel e ser-lhe-ão enviados para o e-mail ou via sms para o telemóvel.

Pedidos e renovação de Documentos Oficiais

De igual modo, também os serviços online do Instituto de Registos e Notariado (IRN) estão a fazer a sua parte para que não precise de sair de casa para renovar os seus documentos. É possível pedir e consultar Certidões de Nascimento e de Óbito, dar início ao processo de um casamento, entre outros. No site do IRN, na área dos serviços online, pode encontrar várias informações sobre os procedimentos a seguir para renovar o cartão do cidadão, pedir o Documento Único Automóvel, como outros registos.

Para que tudo isto seja possível, contudo, terá que ter acesso à sua Chave Móvel Digital que mais não é do que o acesso para que possa fazer a assinatura digital de documentos oficiais. Para ativar esta chave, tudo o que tem de fazer é aceder a https://www.autenticacao.gov.pt/a-chave-movel-digital munido de número de contribuinte, senha de acesso ao Portal das Finanças, número de telemóvel e e-mail para poder efetuar o seu pedido.

Cartões de crédito, crédito pessoal e Homebanking

Tal como a grande distribuição ou os serviços de registo e notariado, as instituições bancárias também disseram um rotundo sim ao repto de ajudar os portugueses a ficar em casa. Tome-se o exemplo do Unibanco. Já com longos anos de forte presença digital no mercado, esta marca lusa pertencente ao universo Unicre, lançou, recentemente, a campanha “Eu conto com o Unibanco no meu dia-a-dia” filmado por atores e influenciadores portugueses através dos seus telemóveis e a partir das suas casas, mostra de uma forma divertida as diferentes situações em que os portugueses podem, depois de fazer o cartão de crédito Unibanco, utilizar o seu cartão na sua nova rotina.

Sendo que os cartões Unibanco, assim como as restantes soluções de crédito pessoal têm possibilidade de adesão 100% digital através do website, dispensando a necessidade de recorrer ao papel.

Como é que isto tudo funciona? Depois de escolher o produto financeiro que pretende e ler toda a informação para compreender as vantagens e condições, segue-se o preenchimento do formulário que lhe dará de imediato uma pré-análise. Após estes dois passos, o cliente deve escolher a opção aderir 100% e entrará, então, na plataforma que permite comprovar a sua identidade com cartão de cidadão e câmara, introduzir a documentação necessária e assinar com código recebido via SMS no seu telemóvel. Tudo isto sob a observância de fortes padrões de segurança de modo a evitar fraudes ou phishing (roubo de identidade via online).

Em beneficio desta medida, junta-se a recente suavização de algumas regras de concessão de crédito pessoal às famílias pelo Banco de Portugal. O regulador decidiu que os créditos pessoais com maturidades até dois anos e que sejam devidamente identificados como destinados a mitigar situações de insuficiência temporária de liquidez por parte das famílias deixem de ter de cumprir um limite ao rácio de DSTI [taxa de esforço], ficando também dispensados de observar a recomendação de pagamento regular de capital e juros. Esta medida também prevê a redução da maturidade máxima do crédito pessoal para sete anos, exceto para as finalidades de educação, saúde e energias renováveis, em que continuará a ser 10 anos desde que estas finalidades sejam devidamente comprovadas.

Pagar contas

Repescando o Homebanking, o cliente pode utilizar, de igual modo, a aplicação para pagar a conta da eletricidade, gás, água, telecomunicações, seguros, e outros serviços contratados. Para além disto, pode também utilizá-la para acompanhar todos os movimentos do seu cartão de crédito e débito.

Livros

Tal como muitos outros ramos de atividade, as livrarias levaram um forte rombo. Produto de extrema necessidade intelectual, o livro, à sua maneira um bem essencial está, agora, à distância de um clique. Deixando de lado as plataformas de venda de livros que já atuavam no mercado digital, várias livrarias e bibliotecas municipais aproveitaram e incrementaram na sua presença no universo online disponibilizando, de igual modo, a entrega de livros ao domicílio.

* conteúdo da exclusiva responsabilidade de Unik SEO

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *