Data Center Homepage Newsletter

Tetra Pak identifica seis perfis de consumidores com base na saúde e no ambiente

Por a 9 de Outubro de 2019 as 16:57
ambiente

ambienteForam apresentados esta quarta-feira os resultados da 12ª edição do estudo global Tetra Pak Index, produzido pela multinacional de embalagem em parceria com a Ipsos. A análise identifica seis novos segmentos de consumidores, com motivações e comportamentos distintos, com base nas preocupações de saúde e ambiente evidenciadas.

Perto de 60% dos consumidores envolvidos no estudo acredita que saúde e bem-estar são fortemente afetados por problemas ambientais. Cruzando as duas questões, o estudo identifica os seguintes tipos de consumidores:

1- Embaixadores ativos: representam 8% da amostra e estão empenhados em todos os aspetos relacionados com o ambiente e saúde. “Tomam ação, desafiam limites e tentam influenciar os outros”, descreve o estudo. 80% destes consumidores tentam ativamente influenciar os seus amigos com os seus pontos de vista. As suas motivações passam pelo bem-estar animal e as gerações futuras.

2- Amigos do planeta: 14% dos consumidores estão igualmente dispostos a tomar medidas em relação às questões ambientais, mas de forma menos radical e com menor influência sobre os que os rodeiam. Estão também comprometidos com a maioria dos aspetos relacionados a saúde, mas para estes o bem-estar está mais relacionado com “paz de espírito”. Estão dispostos a pagar mais por embalagens amigas do ambiente e a abdicar da conveniência.

3- Conscientes em relação à saúde: neste segmento encaixam-se 10% dos consumidores, que estão mais preocupados com a questão da saúde que com o ambiente. Estão dispostos a experimentar novos produtos, a pagar mais por produtos mais saudáveis, assim como sacrificar a conveniência. Estes consumidores confinam nos social media e têm os fóruns também como fonte de informação.

4- Seguidores: absorvem uma fatia de 31% do público e têm um potencial “interessante”, uma vez que estão comprometidos o suficiente com a saúde e ambiente para se sentirem “culpados”, apurou o estudo da Tetra Pak. Estes consumidores sentem assim a necessidade de fazerem mais, mas não mostram predisposição em mudar de comportamento e experimentar novidades. Precisam de mais informações para serem incentivados a agir. “Este segmento é particularmente forte na Coreia do Sul”.

5- Céticos: este segmento é sobretudo forte nos Estados Unidos. Representa 18% dos consumidores, os quais estão muito pouco comprometidos com a saúde e ambiente. Não acreditam que o seu estilo de vida tenha impacto no ambiente, mas a maioria acredita ser importante manter um estilo de vida saudável. Apenas fazem mudanças quando estas se encaixam no seu estilo de vida. Confiam em fontes como políticos, retalhistas e a família.

6- Leigos: 18% do público encaixa-se neste segmento, que evidencia falta de conhecimento e interesse em todos os aspetos relacionados com saúde e ambiente. “Viver o agora” é o seu lema e, além de afirmarem não se importarem com o ambiente, a maioria diz estar “farto de toda a discussão”. Um estilo de vida saudável “não é importante” para estes consumidores.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *