Destaque Destaque Homepage Distribuição Homepage Newsletter

Mercadona instala em Matosinhos centro para adaptar oferta a público português

Por a 4 de Janeiro de 2017 as 11:04
mercadona_centroinovacao

A Mercadona anunciou a abertura do primeiro Centro de Coinovação em Portugal, concretamente em Matosinhos, no segundo trimestre do ano.

O centro será um laboratório ao qual os consumidores nacionais serão chamados a experimentar e degustar as inovações da  Mercadona, ainda antes de chegarem aos lineares. Com mais de mil metros quadrados, o espaço localizado na Avenida Menéres, em Matosinhos, vai dispor de salas de degustação de produto e cozinhas para sessões participativas com o público e estará em funcionamento a partir do segundo trimestre do ano.

O objetivo passa por “adaptar a oferta aos hábitos do consumidor português, detetar as suas necessidades quanto aos produtos que compõem o seu cabaz de compras habitual, introduzir melhorias e lançar inovações nos cinco negócios que englobam todos os produtos comercializados pela cadeia espanhola – alimentação (Frescos e Secos), bebidas, limpeza do lar, higiene pessoal e cuidados com os animais de estimação”, explica a cadeia em comunicado.

Depois de anunciar a abertura de quatro supermercados em 2019 em Portugal, país que escolheu para arrancar com a internacionalização, a distribuidora espanhola investe agora na infraestrutura para aplicar o seu modelo de inovação conjunta no País. “A Mercadona trabalha diretamente com os seus fornecedores para introduzir novos produtos e melhorias nos produtos já existentes. Graças a este modelo circular, os produtos comercializados pela cadeia são desenhados à medida do “chefe” [denominação interna para consumidor], o que faz com que fiquem mais tempo no mercado”.

Em Espanha, a cadeia gere atualmente 12 centros de coinovação, que trabalham com 125 interfornecedores e contam com mais de 1000 colaboradores dedicados à inovação em várias áreas (produto, processos, mudanças organizacionais e marketing). No ano passado, estes espaços receberam “mais de 5500 sessões de provas”, segundo Elena Aldana, Diretora de Relações Externas Portugal da Mercadona.

O modelo de inovação conjunta garante à cadeia uma “taxa de sucesso de novos produtos lançados no mercado de 82%, enquanto a média do sector é de 24%”.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *