Distribuição Homepage Newsletter

Promoção de shoppings em alta nos países emergentes

Por a 20 de Junho de 2012 as 16:57

A promoção de centros comerciais a nível global prossegue a passos largos, com o aumento das populações de classe média e a expansão do sector de retalho a gerarem níveis sem precedentes de construção e novas aberturas, em grande parte nos mercados emergentes, conclui um estudo da consultora imobiliária global CBRE.

 

A CBRE mediu os níveis de promoção de centros comerciais em 180 das principais cidades mundiais para identificar os mercados mais activos, tanto em termos dos projectos concluídos em 2011, como a nível do espaço presentemente em construção.

O estudo constatou que a actividade de promoção imobiliária alcançou níveis significativos, com 29,6 milhões de metros quadrados em construção, o que equivale à totalidade do espaço combinado existente em França, Reino Unido e Alemanha. Quanto a novos espaços, abriu uma área equivalente a 7,8 milhões de metros quadrados em 2011.

Em Portugal, à parte do comércio de rua nas localizações prime, o mercado de retalho “está bastante retraído. Longe vão os tempos em que abriam mais de uma dezena de empreendimentos comerciais por ano. Em 2010, a oferta de novos complexos atingiu o mínimo histórico e 2011 também ficou muito aquém da média registada na última década”. Para 2012, não se prevê qualquer abertura e os projectos que estão actualmente em construção só deverão abrir ao público em 2013. Esta situação reflecte “não só a crise que vivemos desde 2008, mas também a maturidade do mercado neste sector”.

 

 

 

 

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *