Destaque Distribuição Homepage Newsletter

Pingo Doce está a cobrar aos produtores campanha do 1º de Maio

Por a 25 de Maio de 2012 as 11:56

O Pingo Doce está a solicitar a alguns fornecedores comparticipações em numerário para suportar as campanhas de 50% de desconto e ainda a pedir a renegociação dos contratos para alcançar margens de lucro superiores entre 2 a 3,5%.

 

A denúncia é feita pela boca de João Paulo Girbal, presidente da Centromarca – Associação Portuguesa de Empresas de Produtos de Marca, em declarações à rádio TSF.

A campanha do 1ª de Maio já está a ser paga pelos produtores, alerta o presidente da Centromarca.

Os pedidos variam consoante o fornecedor mas “os temas andam à volta de um aumento de margem pedido pelo distribuidor que variará entre 2 e 3,5% a partir de Maio, uma verba que o produtor teria de entregar ao Pingo Doce, uma renegociação de contratos e verbas para reforço de competitividade”.

Também Pedro Pimental, presidente da Associação Nacional dos Industriais de Lacticínios (ANIL), confirmou, em declarações à agência Lusa, que a associação já foi contactada por algumas empresas do sector lácteo, as quais afirmaram que o Pingo Doce quer negociar condições adicionais ao que já está contratualizado”.

A Jerónimo Martins não comenta a denúncia, mas Alexandre Soares dos Santos,  Presidente do Grupo Jerónimo Martins, garantiu, em entrevista à SIC Notícias: “Não vamos apresentar nenhuma factura aos fornecedores. Não entramos nem vamos entrar em contacto com nenhum deles porque o que fizemos foi uma promoção geral”.

Um comentário

  1. paulo cunha

    28 de Maio de 2012 at 15:06

    Mas será que há alguém que ainda acredite que há almoços grátis ?

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *