Destaque Destaque Homepage Digital Distribuição Newsletter

Para a Auchan Portugal as expressões “hipermercado” e “formatos comerciais” têm os dias contados

Por a 29 de Outubro de 2018 as 14:59
Painel GS1

Pedro Cid, CEO da Auchan Retail Portugal (segundo a contar da esquerda) participou no painel “O consumidor no centro das redes de colaboração digitais”, no congresso da GS1

Pedro Cid, CEO da Auchan Retail Portugal, acredita que as expressões “hipermercado” e “formatos comerciais” vão deixar de existir.

“O nome hipermercado tem os dias contados. Outra expressão que vai acabar é formatos comerciais. Na evolução que estamos a implementar no negócio, uma das coisas que fizemos foi colocar-nos no papel do cliente. E concluímos que as palavras hipermercado e formato deixam de fazer sentido” no atual contexto. “Isto é, há pontos de venda, pontos de contacto, pontos de marca, pontos com o cliente e pontos com o habitante. Esta é a primeira grande evolução” do negócio da Auchan, explicou o líder do negócio da retalhista de origem francesa em Portugal, por ocasião do Congresso da GS1 que decorreu na semana passada, em Lisboa.

No que diz respeito ao canal online, Pedro Cid considera que este terá “uma representatividade e um peso muito superior”, em relação aos canais físicos, no futuro. Mas entende que a mudança do canal físico para o digital não será radical. “O que nos interessa é perceber como é que nos adaptamos para que os clientes, como os millennials, possam fazer compras quando, como e onde querem. Isto é, vai haver 20% de artigos que vão comprar no digital e 80% no físico, e vice-versa, e ainda há uma parte dos que compram no digital que vão recolher nas lojas físicas”.

 

Um comentário

  1. fernando

    14 de Novembro de 2018 at 21:55

    nao tenho qualquer comentario a fazer

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *