Distribuição Homepage Newsletter

Novo espaço pop up da Amazon “pode revolucionar experiência de compra física”

Por a 6 de Dezembro de 2017 as 15:40
Amazon x calvin Klein

A Amazon desenvolveu um novo formato de loja “pop up” em parceria a marca de moda Calvin Klein para esta época natalícia. Instalado em duas localizações nos Estados Unidos (New York e Los Angeles), o conceito apresenta um novo sistema tecnológico de “pricing” que “pode revolucionar a experiência de compra em lojas físicas”, disse, citado pelo US News, o analista Brian Nowak da multinacional de serviços financeiros Morgan Stanley.

Trata-se de um sistema que dispensa a colocação de etiquetas de preço nos produtos. Os clientes vão digitalizado com o seu smartphone o código de barras dos bens a adquirir, tendo antecipadamente de instalar a “app” da Amazon específica para o efeito. A aplicação indica aos clientes o preço dos produtos, correspondente ao valor oferecido no momento em Amazon.com, garantindo sempre em loja “o menor preço que pode encontrar online, onde estes são constantemente atualizados”.

Brian Nowak destaca o potencial de “integração do online e offline” que esta solução traz ao retalho classificando-a como uma “excelente” forma de a Amazon diferenciar as suas lojas e fidelizar consumidores. “A tradicional experiência de compra no retalho físico necessita de ser reinventada e esta loja é um bom primeiro passo”.

No espaço “pop up”, que inclui também uma área de entretenimento, os clientes podem também comprar com recurso às soluções de voz da gigante do ecommerce – o device Echo e o assistente de voz operado por inteligência artificial Alexa. Os consumidores podem pedir à Alexa, através dos aparelhos Echo presentes nos provadores do espaço, informações sobre produtos e experiência em loja, assim como pedir para alterar a intensidade da iluminação ou a música.

O analista destaca que, ao contrário do sistema de “pricing”, a integração em loja das interfaces de voz parece “forçada”. Em visita à loja, Brian Nowak “não conseguiu comprar com a Alexa” e, na sua opinião, a Amazon perdeu uma oportunidade para mostrar o potencial do dispositivo Echo e de angariar mais utilizadores para o mesmo.

O espaço “pop up”, instalado desde meados de novembro até final do ano, vende roupa interior da Calvin Klein, cuja parceria com a Amazon para esta quadra natalícia envolve ainda a loja online My Calvins, exclusiva da marca, inserida no marketplace da empresa de Jeff Bezos. Além de roupa interior, o canal online disponibiliza também a coleção de “jeans” da marca.

A loja “pop up” conta com áreas de “fidelização e entretenimento”, explicam em comunicado as duas retalhistas remetendo para “estações de costumização”, em que o cliente pode personalizar e embrulhar a roupa interior; “espaços de criação de conteúdo”, onde os consumidores podem criar “clips” para partilhar nas redes sociais; e “áreas lounge” que conectam as duas lojas “pop up” em tempo real, através de video-chamada, permitindo aos visitantes das duas lojas posicionadas nas costas este e oeste dos Estados Unidos interagirem entre si. Os espaços dinamizam ainda eventos com celebridades.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *