Distribuição Homepage Newsletter

Fecham mais lojas do que abrem em Lisboa

Por a 14 de Setembro de 2015 as 15:47
comercio

comercioOs efeitos da crise económica e da alteração à lei do arrendamento, que completa três anos em novembro e fez disparar o preço das rendas, levaram muitos estabelecimentos comerciais da capital a fechar portas.

Segundo o Expresso, que cita dados do INE (Instituto Nacional de Estatística), fecham mais lojas em Lisboa do que abrem a cada semana que passa. Até Julho, os números dizem que se constituíram na capital do País 248 sociedades contra 272 dissoluções.

“Fazendo a nossa análise, eu diria que 20 a 25% do comércio tenha encerrado face à lei do arrendamento de 2012. Um fenómeno transversal a toda a cidade. E, atenção, nós sempre fomos favoráveis a que a lei mudasse mas não deste modo. Deveria ter sido feito de forma gradual. Não se pode passar de uma renda de €500 para €3000”, disse em entrevista ao Expresso Carla Salsinha, presidente da União de Associações do Comércio e Serviços (UACS).

No Porto, abrem em média por semana cinco lojas mas encerram três. Segundo o INE, entre Janeiro e Julho de 2015, foram constituídas 141 sociedades e fecharam 83 na cidade do Porto.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *