Sumol+Compal adquire fábrica em Moçambique

13 de Março de 2012 por Hipersuper

A Sumol+Compal comprou uma fábrica em Moçambique, o primeiro investimento de um total de 8 milhões de euros que a empresa estima desembolsar para desenvolver as suas marcas naquele país africano.

 

Dotada de diversos equipamentos, a instalação industrial localiza-se em Boane e vai produzir localmente os produtos das marcas portuguesas.

“Esta fábrica é a primeira operação industrial fora de Portugal e insere-se na estratégia de internacionalização que será gerida pela subsidiária SUMOL+COMPAL Moçambique, S.A., sociedade de direito moçambicano, recentemente criada”, explica um comunicado a empresa.

Produzir e comercializar as marcas portuguesas em Moçambique e nos países limítrofes que fazem parte da SADC (Comunidade para o Desenvolvimento da África Austral), é o objectivo da nova empresa.

Duarte Pinto, presidente executivo da SUMOL+COMPAL, explica que o investimento em Moçambique vai ter um papel importante “na transformação da nossa empresa de exportadora em internacional. É um projecto desafiante num conjunto de mercados da África Austral, com 170 milhões de consumidores”.

O continente africano é uma das áreas prioritárias nos esforços de internacionalização da SUMOL+COMPAL.

“Nesta primeira fase, produziremos em Moçambique sumos e néctares da marca Compal e de outras do nosso portefólio. Tendo em conta a nossa ambição nos mercados limítrofes estimamos que, em velocidade de cruzeiro, as exportações de Moçambique possam vir a ultrapassar os 70% das vendas totais da SUMOL+COMPAL Moçambique, dispondo para o efeito de uma capacidade instalada de 30 milhões de litros por ano”.

 

     
  • Notícias relacionadas

    No related posts.

Deixar uma resposta