Logística

Volume de negócios da LPR aumenta 3%

Por a 16 de Abril de 2010 as 10:28
lpr

O volume de negócios do grupo LPR, especialista de pooling de paletes da Europa, registou, em 2009, um aumento de 3% face ao exercício anterior, alcançando os 101,7 milhões de euros contra os 100,5 milhões obtidos há um ano. Já o número de paletes movimentadas aumentou 4%, excedendo as 39 milhões.

Na base destes resultados positivos, está, segundo a empresa, “a notável carteira de clientes da LPR”, tendo o grupo conseguido “compensar o declínio do volume orgânico de alguns clientes directamente afectados pela crise através de acordos alargados com outros clientes e de ganhos líquidos relativos a novos clientes”.

Deste grupo fazem parte: Sodiaal Candia em França, Heineken e Garcia Carrion em Espanha, Kellogg’s e Weetabix no Reino Unido e Ontex na Alemanha.

A cobertura pan-europeia da LPR é, segundo os seus responsáveis, “uma vantagem assinalável para o grupo”, registando a LPR cerca de 45% do respectivo volume de negócios em França; 35% em Espanha e Portugal; 15% no Reino Unido e mais de 5% no Benelux e na Alemanha.

“Em 2009, o Reino Unido voltou a contribuir significativamente para os bons resultados do grupo, apresentando um crescimento de dois dígitos”, explica Torsten Wolf, presidente da LPR. “O mesmo se aplica à nossa filial na Alemanha, que impulsionou substancialmente o nosso desenvolvimento.” Durante 2009, o grupo inaugurou quatro armazéns de paletes integrados nas instalações de clientes, permitindo isto “registar poupanças significativas nos custos de transporte”, afirma Torsten Wolf. Outra forma de alcançar poupanças consiste na partilha de recursos, dispondo a LPR de uma unidade de optimização do transporte, que trabalha em estreita colaboração com os clientes para identificar as oportunidades de transporte de pooling. Deste modo, um transportador pode levar paletes de um armazém da LPR, entregá-las na fábrica de um cliente e lá recolher produtos acabados, para os entregar num centro de distribuição de um retalhista no caminho de regresso ao armazém. “O objectivo consiste em evitar que os camiões regressem sem carga, tanto para nós como para os nossos clientes”, explica Torsten Wolf.

Em 2010, o grupo LPR refere que continuará a expansão na Europa, através da implementação de operações na Escandinávia e em Itália, tendo iniciado já o investimento nestes mercados, tendo como ambição alcançar uma rede fiável e extensiva, à semelhança de outros países da Europa.

“Somos o segundo maior especialista de pooling de paletes da Europa. Tencionamos ser a primeira escolha dos clientes em todos os países onde desenvolvemos actividades”, conclui Torsten Wolf.

Deixe aqui o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *